Divina Misericórdia

Santa Faustina Kowalska era de uma família pobre que havia trabalhado muito em sua pequena fazenda em Cracóvia, Polônia, durante os terríveis anos da I Guerra Mundial. Ela teve apenas três anos de educação muito simples e suas tarefas eram as mais humildes do convento.

Sua história de vida a preparou para a grande missão que lhe seria dada: dar a conhecer a Misericórdia de Deus ao mundo inteiro, sob a forma de uma devoção específica.

Elementos e promessas da devoção

Assim como na devoção a Seu Sagrado Coração, ao revelar esta devoção à Sua Misericórdia Nosso Senhor estabeleceu práticas e promessas associadas a seu cumprimento, em vista do bem das almas.

Aos poucos foi sendo revelado a Santa Faustina cada elemento da devoção, seu significado e alcance.

O primeiro elemento da devoção foi a imagem de Jesus misericordioso, com uma maravilhosa promessa:

“Pinta uma imagem de acordo com o que vês, com a inscrição, ‘Jesus, eu confio em Vós.’
Prometo que a alma que venerar esta Imagem não perecerá.”

Pediu o Senhor que essa imagem seja benzida e exposta solenemente aos fiéis.

Outro elemento importante é a Hora da Misericórdia, às três horas da tarde: hora da preciosa e redentora morte de Jesus, é chamada por Ele de a hora de grande misericórdia para o mundo inteiro, quando nossas súplicas pelos méritos de Sua Paixão são atendidas.

Para essa hora Ele pede a Santa Faustina um momento de recolhimento, rezando a Via Sacra, ou adorando-o no Santíssimo Sacramento, ou então uma breve meditação sobre Seu abandono na agonia.

O Terço da Misericórdia é uma poderosa oração de intercessão, em qualquer circunstância da vida. Particularmente eficaz em prol dos moribundos, para que sejam assistidos pela Misericórdia de Deus em seus últimos momentos. [ veja mais sobre O Terço da Misericórdia ]

A Festa da Misericórdia, também pedida pelo Senhor, a ser celebrada no Segundo Domingo de Páscoa, é um dia em que os fiéis podem obter uma indulgência plenária, nas condições de costume. Nesse dia faz-se a bênção das imagens de Jesus Misericordioso.

A Novena à Divina Misericórdia é um outro elemento da devoção: deve ser rezada em preparação à Festa da Misericórdia, começando na Sexta-feira Santa. Em muitas paróquias é uma novena perpétua.

A prática

Nosso Senhor pede também que se pratiquem obras de misericórdia, sem as quais qualquer devoção perderia seu valor.

Pede-nos também se pratique esta devoção com confiança, exortando-nos com muitos exemplos e renovando Seus apelos de conversão:

Diário de Santa Faustina, 300

 

Produtos relacionados:

Tags:,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.